O que fazer após a instalação do Arch Linux

Diversos comandos que podem ser úteis no pós instalação do Arch Linux 😉.

Play this article

A distribuição Arch Linux é amplamente reconhecida no mundo Linux por sua abordagem minimalista, filosofia "faça-você-mesmo" e foco na simplicidade e elegância.

Lançada em 2002 por Judd Vinet, a Arch Linux se destaca como uma distribuição rolling release, o que significa que os usuários têm acesso a atualizações contínuas e frequentes, sem a necessidade de fazer atualizações completas do sistema periodicamente.

O Arch Linux adota o princípio de "KISS" (Keep It Simple, Stupid), que valoriza a simplicidade e a eficiência em todos os aspectos do sistema.

Ao instalar o Arch, os usuários começam com uma instalação mínima, na qual têm a liberdade de personalizar cada aspecto do sistema de acordo com suas necessidades e preferências.

Isso proporciona um alto nível de controle e flexibilidade, mas também exige um conhecimento mais profundo do funcionamento do sistema operacional em comparação com algumas distribuições mais orientadas para iniciantes.

O gerenciador de pacotes principal do Arch Linux é o Pacman, que é conhecido por sua eficiência e simplicidade.

Ele permite que os usuários instalem, atualizem e removam pacotes de software de forma rápida e eficaz.

Além disso, o Arch Linux possui um repositório de software vasto e atualizado, bem como a Arch User Repository (AUR), onde os usuários podem contribuir com scripts de compilação e instalação de pacotes de software adicionais.

Devido à sua abordagem de "construa conforme você precisa" e à natureza rolling release, o Arch Linux é popular entre usuários avançados e entusiastas de Linux que desejam um sistema altamente personalizável e sempre atualizado.

No entanto, essa distribuição pode exigir um investimento maior de tempo e aprendizado para configuração e manutenção, tornando-se menos indicada para iniciantes em Linux que preferem uma abordagem mais guiada e automatizada.

Codecs

sudo pacman -S \
ffmpeg \
gst-plugins-ugly \
gst-plugins-good \
gst-plugins-base \
gst-plugins-bad \
gst-libav \
gstreamer

Firmware

sudo pacman -S \
fwupd

Bluetooth

sudo systemctl start bluetooth.service –now

NTFS, FAT e exFAT

sudo pacman -S \
ntfs-3g \
dosfstools \
exfatprogs

Compactadores

sudo pacman -S \
unrar \
p7zip

Fontes

sudo pacman -S \
noto-fonts \
noto-fonts-emoji \
ttf-liberation \
ttf-droid \
adobe-source-sans-fonts \
ttf-dejavu

WebP

sudo pacman -S \
libwebp

Escritório

LibreOffice

sudo pacman -S \
libreoffice-fresh \
libreoffice-fresh-pt-br \
libreoffice-extension-vero \
aspell-pt \
libmythes \
mythes-pt-br

Virtualizadores

VirtualBox

Dependências:

sudo pacman -S \
virtualbox-host-modules-arch

Instalando o VirtualBox:

sudo pacman -S \
virtualbox

Após a instalação reinicie o sistema ou execute ``

Para instalar o VirtualBox Extension Pack primeiro verifique a versão do VirtualBox que está instalada:

vboxmanage -v | cut -dr -f1

Após verificar a versão instalada realize download no site oficial ou execute:

wget \
-o virtualbox-extension-pack.vbox-extpack \
https://download.virtualbox.org/virtualbox/VERSÃO/Oracle_VM_VirtualBox_Extension_Pack-VERSÃO.vbox-extpack

🚨 Substitua a palavra VERSÃO que está na URL pela verão que foi exibida no comando `vboxmanage -v | cut -dr -f1`.

A instalação pode ser feita dando 2 cliques no arquivo que foi baixado ou executando:

sudo vboxmanage extpack install \
virtualbox-extension-pack.vbox-extpack

Por fim adicionei o seu usuário ao grupo vboxusers:

sudo usermod -aG vboxusers $USER

KDE

Imagens

Qt 5

sudo pacman -S \
qt5-imageformats

Qt 6

sudo pacman -S \
qt6-imageformats

Screen shot

sudo pacman -S \
spectacle

KDE Discovery

Qt 5:

sudo pacman -S \
packagekit-qt5

Qt 6

sudo pacman -S \
packagekit-qt6

Gerenciador de discos

sudo pacman -S \
partitionmanager

GNOME

GNOME software

sudo pacman -S \
gnome-software-packagekit-plugin

Linguagem de programação Python

sudo pacman -S \
python \
python-pip \
python-lsp-server \
tk

Pyenv

sudo pacman -S \
pyenv

PDM

sudo pacman -S \
python-pdm

Repositório AUR

Yay

Para realizar a instalação da ferramenta de linha de comando yay instale as seguintes dependências:

sudo pacman -S --needed \
base-devel \
git \
go

Agora abrar um terminal e clone o seguinte repositório:

git clone https://aur.archlinux.org/yay.git

Acesse a pasta que foi clonada:

cd yay

Após acesse a pasta execute:

makepkg -si

Navegadores

Microsoft Edge

yay -S microsoft-edge-stable-bin

MS fonts

yay -S \
ttf-ms-fonts

Visual Studio Code

yay -S \
visual-studio-code-bin

Extra

Comandos equivalentes

  • apt install: pacman -S.

  • apt remove: pacman -Rs.

  • apt autoremove: pacman -Qdtq | pacman -Rs -.

  • apt autoclean: pacman -Scc.

  • apt search: pacman -Ss.


Did you find this article valuable?

Support Renato Cruz by becoming a sponsor. Any amount is appreciated!